O Natal é a data mais celebrada pelos comerciantes brasileiros, afinal, é o melhor período para vendas.

No entanto, o Brasil registrou uma queda no consumo durante o mês de dezembro nos últimos dois anos, ainda por conta dos impactos da pandemia de Covid-19. Já para 2022, as perspectivas são positivas.

A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) realizou um levantamento com a projeção de crescimento de 2,1% nas vendas de Natal deste ano em comparação a 2021.

Há dois anos, em 2020 (primeiro ano da pandemia), houve uma retração de 2,7% nas vendas neste período e 2,1% no ano seguinte.

Com as expectativas positivas para as vendas de Natal, a Câmara Nacional dos Lojistas (CDL) e o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) projetam que as compras referentes a itens natalinos e presentes devam injetar R$ 66,6 bilhões na economia.

Outro dado a ser destacado, é a modalidade de pagamento. Ainda de acordo com a CDL e o SPC Brasil, o cartão de crédito e o PIX são as modalidades preferidas de pagamento, além disso, 39% dos consumidores devem fazer o pagamento das compras à vista.

Ou seja, é hora de aproveitar a retomada da economia, reforçar os estoques e aproveitar as vendas para o mês de dezembro.


Por: Rafael Peloso (MTB: 63.784/SP)


Gabriel Pascoli

Compre online Papelaria, Escritório, Informática, Brinquedo, Material de Consumo para empresas e mais. Tudo para sua empresa você encontra aqui!

0 comentário

Deixe um comentário

Avatar placeholder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.