Skip to main content

A diferença entre VENDER e ATENDER

Confesso que, por diversas vezes, escrevi a seguinte frase: “Quem atender melhor irá vender mais”.

Até concordo, não tenho dúvidas disso. Agora, vender mais em relação ao quê? Em relação a quem? Isso basta?

Eu aprendi que não estar doente nem sempre quer dizer estar saudável, portanto, só “atender melhor” é muito pouco para quem quer se destacar neste cenário tão competitivo.

Diante desta situação, podemos concluir que ATENDER é diferente de VENDER.

Vender é ir além do que o cliente solicita, é criar a habilidade de fazer boas sondagens para entender qual o melhor produto ou serviço a ser oferecido. Vender é agregar mais produtos às vendas e/ou agregar valores aos produtos.

Quando o cliente entra na loja, por exemplo, no intuito de comprar cadeiras para o seu escritório, e o ATENDENTE vender apenas “cadeiras para escritório”, ele não vendeu, atendeu.

Perceba a diferença se, na mesma situação, o cliente entra na loja com o desejo de comprar “cadeiras para escritório” e o VENDEDOR lhe oferece ergonomia, durabilidade, conforto, produtividade para a equipe, etc.

Nesse caso, o profissional de vendas agregou valores ao produto.

Além do que, o verdadeiro vendedor pode tentar agregar mais produtos à venda.

De repente indicar apoio para os pés de quem for utilizar as cadeiras, sondar o estado de conservação das mesas, para oferecer um pacote, dentre outras tantas outras tentativas a serem feitas.

Enfim, se você simplesmente prestar um bom atendimento, dificilmente irá perder vendas, só que na mesma proporção não irá conseguir resultados surpreendentes.

 

 

Quer receber mais do que vem recebendo? Faça mais do que vem fazendo.

 

 

cesar_galindo_rodape

Reval Blog

Papelaria, Escritório, Informática, Eletroeletrônicos, Brinquedos, Artesanato, Presentes, Festas e Descartáveis. Ligue 0800-701-1811.

12 comentários em “A diferença entre VENDER e ATENDER

  1. muito bom!!

    acredito muito em treinamento e tecnicas de venda! nao acredito em em ” vendedor nato” , acredito em tecnicas de venda e treinamentos.
    nossa empresa luta para ser o mais próxmo de exelente, nao só para vender mais mas, para dispensar o devido respeito merecido pelo cliente que nos escolheu como fornecedor. fiquei muito decepcionado com a reval atacadista; ja somos clientes deles a 4 anos e ontem, um motorista veio me entregar um volume com três mercadorias e ele nao me permitiu conferir a mercadoria antes de assinar o recebimento, disse que eu deveria receber a mercadoria e se tivesse faltando alguma coisa que procurasse a empresa depois.
    ai levou pra tras, eu entao liguei na empresa e eles prontamente me disseram que eu tenho o direito de conferir a mercadoria antes do aceite e me enviou novamente, quando chegou, com o mesmo motorista, foi a mesma coisa , nao me permitiu a conferencia e levou de volta a mercadoria.
    ainda bem que temos outros fornecedoresmas enfim, fiquei muito decepcionado, ainda mais que o representante teve a mesma opniao do motorista, preferindo perder o cliente.
    lamento…

      1. olá amigos!!
        meu cnpj é 09512169000103.
        olha, peço ( por favor) que nao se preocupem com isso. Fiz este comentário em um momento de muita irritaçao, havia um drone encomendado para meu filho tambêm, entre as encomendas. E o motorista entrou em nossa loja e retirou o pacote de forma bem autoritária.
        Mas entendo que cada empresa tem os seus procedimentos.
        Sei que a reval é uma ótima empresa e nao vou deixar que um acontecimento isolado interfira em futuros negócios.
        Agradeço sua atençâo.

  2. Canso de falar p/ meus funcs. que não venderam nada, foi o cliente que comprou. Confesso que viv o procurando um meio de motiva-los e não estou conseguindo, me parece que se conformam com o salário fixo, que está garantido, e mesmo com incentivo não se esforçam.
    Ex. Consegui vender um carro mecânico p/ uma pessoa que queria um carro automático.

    1. Verdade antónio.
      Passo por isso aqui em minha loja tambêm, estas atitudes diferenciam líderes e liderados, mas nao desista! continue falando , tentando, ensinando e motivando, pois, no final, isto vai diferenciar sua loja, em pequena ou grande escala, mas vai diferenciar para melhor.

  3. bom dia Cesar, realmente na maiorias das vendas a gente só vende, na pratica como é ” difícil ” a gente atender o cliente, quase sempre algum fator nos atrapalha, mas valeu pela dica é bom a gente sempre lembrar disso.

  4. E´isso ai, muitas vezes também não gerenciamos nosso tempo, e quando atendemos, principalmente em dias de fechamento, vendemos na correria e utilizamos só a parte de atender, fazer o pedido que o cliente quer, não indo além do pedido. Tudo é organização, valeu pela matéria, realmente é verdade
    que o cliente precisa do atendimento completo do vendedor, com dicas e sugestões, abraços….

  5. Muito bom este texto, vem reforçar o que todos já sabem mas quase ninguém as pratica. Então concluo que tão importante quanto vender é atender, o resultado será sucesso.

  6. Excelente comentário!
    Realmente o bom vendedor vai muito além das expectativas do cliente , ele não “empurra” a mercadoria ,
    ele simplesmente abre um leque de possibilidades para que o cliente se sinta bem atendido e muito valorizado.

Deixe uma resposta